quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Jóias – As Pérolas da Rainha

Acho bem bonito quando um homem dá de presente um colar de pérolas para a mãe, avó, mulher ou namorada. Vejo isso sempre pela atitude. Pérolas são elegantes, discretas, chiques, sobretudo quando quem as usa não tem intenção de ostentação... As pérolas legítimas são artigos tão luxuosos e caros que o pessoal interessado em comércio fez entrar essa onda da pérola cultivada. Como estudo tudo que me interessa, fiquei ainda mais encantado quando aprendi que a pérola natural tem o interior todo formado por camadas que se estendem do centro às extremidades – como uma cebola ou um tronco de árvore, por exemplo. Não preciso nem dizer que as pérolas são formadas durante décadas dentro das ostras e não são todas as ostras que têm não; em geral, é preciso que se analise milhares de ostras para se conseguir uma única pérola. Depois vem a seleção por tamanho, brilho... Um luxo! Enquanto que as pérolas cultivadas – essa técnica desenvolvida no Japão em 1910 – são madrepérolas (núcleos) cuidadosamente colocadas dentro das ostras, junto a um pequeno pedacinho de músculo de uma outra ostra; então, isso causa um tipo de irritação na ostra que reage cobrindo o núcleo com material perlífero. A Rainha Elizabeth I da Inglaterra (ilustração) sempre fazia suas aparições públicas coberta por belos e gigantescos colares de pérolas. E se aprontava toda com pérolas nos cabelos, possuía imensa coleção de vestidos cuidadosamente bordados com lindas pérolas - uma beleza! Algumas dessas pérolas foram consideradas as mais bonitas do mundo e pertenceram a Rainha Mary, “A Sanguinária”. Como saber se uma pérola é legítima ou cultivada? Os especialistas fazem Raio X e de imediato identificam. Na dúvida, ninguém vai sair por ai comprando sem que ela tenha uma boa assinatura, é daí que vem a importância das grandes grifes de jóias, que representam muita qualidade acima de tudo, e que não tem nada a ver com ostentação. Antes de aprender muita coisa sobre essa pedra magnífica, eu já gostava das pérolas por elas serem as únicas pedras preciosas que dispensam a arte humana através de lapidação, etc e tal. Elas têm ‘personalidade’ – é isso. Eu realmente penso que devemos aprender tudo que podemos sobre o que nos interessa, acho que o mundo de cada pessoa se torna maior na medida em que ela aprende... Digamos que antes de saber tanto sobre as pérolas o meu mundo era menor, assim como na infância, antes de ler poemas e de visitar museus também era menor. Somos responsáveis pela classificação de informações que absorvemos e que vão construindo tudo o que somos. Se você se enche de qualidade, passará exatamente muita qualidade para seus amigos, para as pessoas que tiverem a chance da convivência com você e eu acho isso muito importante. E, em matéria de jóia, e se puder, saberá escolher um legítimo colar de pérolas para presentear ou livrar-se de uma peça que é passada como legítima.

Um comentário:

Isaac Sousa disse...

As pérolas são realmente fantásticas. De uma reação contra algo que incomodava a ostra surge algo tão precioso. Também axo muito charmoso usar e presentear um colar de pérolas.
Gostei bastante do final do post! Realmente qualidades são passadas para as pessoas que nos cercam.

Grande Abraço