quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Alta Costura - JOHN GALLIANO Curva-se Diante do Estilo Dior | Primavera-verão 2009

Bonita a coleção apresentada por John Galliano na alta costura Dior em Paris... Mas, nem parecem peças assinadas por ele. Está mais claro que Galliano teve de mudar muito para atender às exigências do dono da casa e das clientes Dior... Saiu sua inspiração do exagero e do teatro – deslumbrando o consumidor comum que não compra alta costura, mas que ostenta a grife num vidro de perfume ou numa bolsa – e entrou a linha clássica da casa com uma mistura pelo mundo das artes, visando atender aos gostos comerciais de um chique grupo de jet-setters que, fugindo de uma dúzia de celebridades exibicionistas que são clientes da Dior, querem roupas-arte de valor clássico atemporal e com uma linha constante de estilo. Deve estar sendo terrível para Galliano render-se às ordens de um estilo. Que puxada de orelha! Para não perder o ritmo, Galliano buscou o clássico deixado pelo próprio Christian Dior nos anos 50, com ar romântico e equilíbrio no quadril, suavemente misturado às artes belgas do século XVII, tentando apresentar uma nova proposta do que já se conhece. Isso sim agrada a mulher rica, culta e exigente que aprendeu com sua mãe e avó a admirar o estilo da casa.

A alta costura Dior de hoje é muito chique sim, mas não é autêntica se comparara ao estilo de Galliano, tem algo de artificial – de que a barra foi muito forçada para ele. A identidade Dior voltou à maison, mas a identidade Galliano saiu de cena.

Nenhum comentário: