segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Fashion Rio – WALTER RODRIGUES, Romantismo Chique, Atemporal e Educativo na Moda | Outono/inverno 2009

Muito bonito o desfile do Walter Rodrigues nesse domingo, dia 11; eu acho que ele consegue manter um equilíbrio muito importante entre o ontem e o hoje na moda, criando peças e combinações que servem para todas as faixas etárias. É um tipo de moda que não é alienada. Eu gosto muito de conhecer o resultado de um trabalho baseado numa perspectiva geral, mesmo em alta costura, quando a gente sabe que são os vestidos mais caros do mundo, só que eles passam uma expressão de caminho a ser seguido em matéria de criatividade nas combinações, por exemplo, sem valorizar o consumismo, pois a arte supera o compromisso comercial. Só acompanho em moda o que realmente me atrai, não sou fashionista e também não trabalho com isso, mas, tenho muito bom gosto, me visto bem, sei do que gosto em moda e vejo o sucesso de grifes que preenchem minha lista de predileções. O Walter Rodrigues faz uma linha muito chique com recursos essenciais de roupa, como o equilíbrio dos ombros que visualmente vieram alargados com as aplicações de bordados, equilíbrio do quadril que pode evidenciar a magreza tão chique da linha size zero de hoje em dia e o alongamento do corpo com os decotes em V que, às vezes, conseguem ser muito grandes, mas nunca perdem o chiquismo. Muita coisa aliada às suaves texturas sob fundo em cor de pele – é um caminho de glamour semelhante ao da moda do Yves Saint Laurent. Acho isso tão importante e chique! Gosto de qualidade técnica e visual. E esse desfile inverno 2009 vem reforçar a base de sucesso desse grande nome da moda brasileira. Além do mais, a coleção expressa o amor do Walter Rodrigues pela moda, e isso está além de um interesse comercial, como comentei no começo, que é detalhe tão percebido nos eventos de moda da atualidade. Dessa maneira, ele possibilita que a mulher que não tem acesso à sua criação, adote combinações de peças que já estão em seu armário com alguma semelhança visual de brilho, cor. Talvez retirar do armário a blusa lisa com bordados na gola, nos ombros, por exemplo. Isso sim é moda; democrática, que não impõe aquisição, não impõe mudança física, não impõe nada e só facilita, embeleza e valoriza. Há também uma direta informação educativa em matéria de estilo: a combinação das sandálias [que eu teria substituído por sapatos] com as bolsas, um toque de atrevimento moderno com fitas nas sandálias que combinam com batom. Eu sempre gostei da moda do Walter Rodrigues, porque, repito, não é uma moda alienada e sempre apresenta conteúdo romântico e educativo. Ele está de parabéns!


Fotografias: Grazi Massafera, excelente apresentação como todo o time de modelos, usando e apresentando criação de Walter Rodrigues na passarela. As produções em tons clássicos e sempre belos, com bordados, brilhos, transparências e a elegância de sempre.

Nenhum comentário: