sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Moda e Vídeo - Com ou Sem Mesmice, Beleza é Fundamental

video

Bom dia! Recebi vários e-mails reclamando da falta de comentários sobre o Fashion Rio... Pois é, eu realmente me senti pouco inspirado para escrever dessa vez. Sou a favor que artistas desfilem nas semanas de moda, mas é muito estranho ver que pouco se comenta das roupas nas notícias todas, é que acontece algo atrapalhado e, diante da presença de um artista famoso, as roupas passam como coadjuvantes. E os demais modelos? Ninguém nem fala... Acho que a criação de moda brasileira está muito boa mesmo, a maioria vem seguindo a linha do vestuário de mundo... A gente vê reportagens dos desfiles de Nova York e Paris, por exemplo, e as peças são sempre iguais, com produções semelhantes, apenas mudando tecido ou comprimento. Acho mesmo que cada pessoa deve se sentir bem livre para adaptar a moda clássica ao próprio estilo, pois por mais que haja toda uma festa enorme por trás dos eventos de moda, pouca coisa realmente impressiona. É perda de tempo ficar procurando passar alguma exclusividade, alguma emoção. Quem viu ou leu o Karl Lagerfeld dizer que não vem ao Brasil por que o seguro de vida dele não cobre a viagem? Minha gente, isso é uma vergonha. A base forte da moda é mesmo a Europa, não há muita atenção, em se tratando de moda, para o que não vem de lá. Por mais que o Brasil diga que está fazendo uma moda especial, é tudo na linha européia. Isso não é ruim, é bom, porque possibilita uma maior aceitação das clientes de fora, há comparativos e, de certo modo, é um jeito de entrar para a turma. Além da modernidade dos tecidos, não há o que esperar de novidade na moda. Se na alta costura a situação já anda bem complicada, imagina então no prêt-à-porter... Um detalhe positivo na moda brasileira é que mesmo em coleção de verão, pouca grife do Fashion Rio ou da São Paulo Fashion Week vem apresentando o nudismo como base para a roupa. Antes, o negócio mundial era buscar o sexy e até pouco tempo era o nudismo mesmo... Estou notando uma sutil mudança nisso. Talvez as clientes queiram realmente aproveitar os tecidos e os recursos da moda para o embelezamento de seus corpos, ao invés dos riscos das plásticas. Isso é, de certo modo, animador. Então, para comemorar essa sensação de que a beleza voltará à moda, está aí o vídeo do comercial da fragrância Miss Dior Chéri, da Dior, produzido por Sofia Coppola, que é cheio de cores, de charme e nenhum nudismo. Eu adoro esse comercial... Tudo bonito e cheio de simples, porém essenciais, prazeres do cotidiano. Inspire-se.

Nenhum comentário: