sábado, 18 de julho de 2009

Alta Costura & Desfile - Risinhos e Intimidade na Alta Moda de Paris

Bom dia... Nunca imaginei que meu recente texto sobre alta costura rendesse tantos e-mails de leitores "indignados" com meu crítico comentário ultra-realista. Indignação porque muitos esperavam que eu escrevesse como sempre faço: um texto recheado de fantasia chique. Porém, todo mundo concordou. Realmente, a inspiração não veio nem pelos acessórios das grifes... Acho que a alta costura está numa situação horrível. Nunca havia visto tanta coisa feia numa semana de alta moda e não gostaria de falar mais nisso, porque realmente não há o que dizer. Quero deixar claro que minha crítica não tem nada a ver com a qualidade de tecidos, qualidade técnica, enfim... Tem a ver com a falta de criatividade. Para ilustrar a postagem de hoje, um aperitivo do horror: manequins Dior, a primeira exibindo a perfeição das mangas nos braços, ombros alinhados, maquiagem perfeitíssima, uma exibição íntima totalmente dispensável. Mesmo se fosse desfile de lingerie de luxo, as mulheres da alta sociedade recebem malas com as maiores novidades de La Perla, ou qualquer grande grife, na intimidade de suas casas. É tudo muito discreto e fino. A apresentação da modelo é perfeita, preciso deixar isso bem claro, elas não tem culpa do que tem de vestir na passarela. Além dessa apelação íntima da grife, que não agrada em nada as clientes da alta costura, o que há de vantagem, de novo? Nada! Definitivamente, eu apoio o vintage mais do que nunca.

Nenhum comentário: